31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

concorrentes - 06/09/2023, 19:05 - Bruno Dias

Bola de Ouro: se ligue nos brasileiros indicados para a premiação

Vencedores do troféu bola de ouro e luva de ouro serão anunciados no dia 30 de outubro

Vini Júnior, Ederson e Debinha são os brasileiros indicados nas premiações de melhores da temporada
Vini Júnior, Ederson e Debinha são os brasileiros indicados nas premiações de melhores da temporada |  Foto: Javier Soriano / AFP | Paul Ellis / AFP | Mike Ehrmann / AFP

A revista France Football divulgou nesta quarta-feira (6) os nomes indicados para concorrer a premiação de melhor jogador do mundo em suas categorias. Dentre os nomes selecionados, apenas três são brasileiros, sendo eles: Vinicius Júnior, Ederson e Debinha. Os vencedores serão definidos no dia 30 de outubro.

Pela premiação da Bola de Ouro de melhor jogador masculino do mundo, Vinicius Júnior, do Real Madrid, pintou entre os 30 jogadores selecionados para disputar o título, pelo segundo ano consecutivo. Nomes brazucas como Neymar e Rodrygo ficaram de fora desta vez. Lembrando que o atual vencedor, Karim Benzema, também está na lista.

Por outro lado, o prêmio feminino de jogadora destaque da temporada conta com o nome de Debinha, do Kansas City Current entre as finalistas. A última brasileira a ganhar o troféu foi Marta, em 2018, possuindo também outros cinco. A atual ganhadora do prêmio, Alexia Putellas, ficou de fora da seleção final.

Já nos escolhidos pela entidade para a posição de melhores goleiros, Ederson, que conquistou a tríplice coroa pelo Manchester City, apareceu como único representante do Brasil desta vez. Vencedor no ano de 2019, Alisson, titular da Seleção Brasileira na última Copa do Mundo, não apareceu entre os nomeados deste ano.

Se ligue nos nomes selecionados pela France Football:

Bola de Ouro Masculino:

Gvardiol (Croácia, RB Leipzig e Manchester City)

Onana (Camarões, Inter de Milão e Manchester United)

Benzema (França, Real Madrid e Al-Ittihad)

Musiala (Alemanha e Bayern de Munique)

Salah (Egito e Liverpool)

Bukayo Saka (Inglaterra e Arsenal)

De Bruyne (Bélgica e Manchester City)

Bellingham (Inglaterra, Borussia Dortmund e Real Madrid)

Kolo Muani (França, Eintracht Frankfurt e PSG)

Bernardo Silva (Portugal e Manchester City)

Kvaratskhelia (Geórgia e Napoli)

Barella (Itália e Inter de Milão)

Emiliano Martínez (Argentina e Aston Villa)

Rúben Dias (Portugal e Manchester City)

Haaland (Noruega e Manchester City)

Gündogan (Alemanha, Manchester City e Barcelona)

Odegaard (Noruega e Arsenal)

Bono (Marrocos, Sevilla e Al-Nassr)

Julián Álvarez (Argentina e Manchester City)

Vinicius Junior (Brasil e Real Madrid)

Rodri (Espanha e Manchester City)

Griezmann (França e Atlético de Madrid)

Messi (Argentina, PSG e Inter Miami)

Lautaro Martínez (Argentina e Inter de Milão)

Lewandowski (Polônia e Barcelona)

Kim Min-Jae (Coreia do Sul, Napoli e Bayern de Munique)

Modric (Croácia e Real Madrid)

Mbappé (França e PSG)

Osimhen (Nigéria e Napoli)

Kane (Inglaterra, Tottenham e Bayern de Munique)

Bola de ouro feminina

Kadidiatou Diani (França, PSG e Lyon)

Linda Caicedo (Colômbia e Real Madrid)

Alba Redondo (Espanha e Levante)

Rachel Daly (Inglaterra e Aston Villa)

Fridolina Rolfö (Suécia e Barcelona)

Olga Carmona (Espanha e Real Madrid)

Georgia Stanway (Inglaterra e Bayern de Munique)

Amanda Ilestedt (Suécia, PSG e Arsenal)

Hayley Raso (Austrália, Manchester City e Real Madrid)

Sophia Smith (Estados Unidos e Portland Thorns)

Salma Paralluelo (Espanha e Barcelona)

Millie Bright (Inglaterra e Chelsea)

Hinata Miyazawa (Japão, Mynavi Sendai e Manchester United)

Lena Oberdorf (Alemanha e Wolfsburg)

Daphne Van Domselaar (Holanda, Twente e Aston Villa)

Sam Kerr (Austrália e Chelsea)

Debinha (Brasil, North Carolina Courage e Kansas City)

Patricia Guijarro (Espanha e Barcelona)

Ewa Pajor (Polônia e Wolfsburg)

Guro Reiten (Noruega e Chelsea)

Aitana Bonmati (Espanha e Barcelona)

Alexandra Popp (Alemanha e Wolfsburg)

Yui Hasegawa (Japão e Manchester City)

Jill Roord (Holanda, Wolfsburg e Manchester City)

Katie McCabe (Irlanda e Arsenal)

Wendie Renard (França e Lyon)

Asisat Oshoala (Nigéria e Barcelona)

Mary Earps (Inglaterra e Manchester United)

Mapi León (Espanha e Barcelona)

Khadija Shaw (Jamaica e Manchester City)

Troféu melhor goleiro:

Courtois (Bélgica e Real Madrid)

Ter Stegen (Alemanha e Barcelona)

Maignan (França e Milan)

Onana (Camarões, Inter de Milão e Manchester United)

Bono (Marrocos, Sevilla e Al-Nassr)

Ederson (Brasil e Manchester City)

Emiliano Martínez (Argentina e Aston Villa)

Ramsdale (Inglaterra e Arsenal)

Livakovic (Croácia, Dínamo Zagreb e Fenerbahçe)

Brice Samba (França e Lens)

exclamção leia também