31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

começo com pé direito - 09/08/2023, 21:50 - Bruno Dias

Benfica domina o 'Dragão' e conquista primeiro título da temporada

Clássico português ficou marcado pelas polêmicas com a arbitragem, tendo 12 amarelos e um vermelho na partida

Di Maria marcou o primeiro gol da partida
Di Maria marcou o primeiro gol da partida |  Foto: CARLOS COSTA / AFP

Benfica e Porto protagonizaram mais um clássico daqueles de sair faísca durante a disputa da Supertaça de Portugal, nesta quarta-feira (9). Os Encarnados foram mais eficientes nas finalizações e venceram os Dragões por 2 a 0 no Estádio Municipal de Aveiro, em Portugal.

Partida polêmica

Apesar do placar vantajoso das Águias, foi a equipe do Porto quem tomou as rédeas na primeira etapa, possuindo mais volume ofensivo e aplicando 10 finalizações. Porém, apenas um em direção ao gol, mesma quantidade de acertos do seu rival. A má pontaria das equipes fez o jogo ir para o intervalo zerado.

No retorno para o segundo tempo, o Benfica voltou 'transformado' e adotou um comportamento completamente diferente no jogo, pressionando seu adversário e conseguindo realizar 12 chutes, sendo seis em direção ao gol. E foi durante essa 'onda' de ataque que os Encarnados abriram o placar, com o experiente Di Maria, aos 15 minutos, após receber assistência de Kökçü.

E não parou por aí, 7 minutos depois o time comandado por Roger Schmidt aproveitou o 'baque' sofrido pelos Dragões para ampliar o marcador, com o centroavante Musa, tocando no canto das redes. Os Portistas até chegaram a diminuir com Galeno, porém o gol foi anulado pelo VAR, após uma infração no início da jogada.

Apesar de muita movimentação de ambas as etapas do confronto, o que marcou a partida foram as confusões com a arbitragem, o embate terminou com 12 cartões amarelos (sendo sete só na primeira etapa) e 1 vermelho distribuídos pelo juiz Luís Godinho. Além da também expulsão do treinador do Porto, Sérgio Conceição, que se recusou a sair do campo e atrasou o decorrer do jogo.

Ao fim da partida o Benfica se consagrou campeão pela oitava vez da Supertaça de Portugal, sendo o terceiro time que mais conquistou este título no país, ficando atrás apenas de Sporting, em segundo, com nove conquistas e o Porto, grande campeão, com 23.

exclamção leia também