29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Defendeu - 04/04/2024, 08:45 - Da Redação

Amigo de Robinho acusa albanesa de participar de orgia

Clayton Florêncio dos Santos, o Claytinho, foi um dos cinco amigos de Robinho que estavam presentes na boate em Milão, na Itália, em janeiro de 2013

Claytinho (esquerda) e Robinho (direita)
Claytinho (esquerda) e Robinho (direita) |  Foto: Reprodução

Clayton Florêncio dos Santos, o Claytinho, um dos cinco amigos de Robinho que estavam presentes na boate em Milão, na Itália, em janeiro de 2013, saiu em defesa do ex-atacante da Seleção e garantiu que ele é inocente. O ex-jogador foi condenando a 9 anos de prisão por participar de um estupro coletivo contra uma jovem albanesa e cumpre pena no Brasil.

"Estuprador tem que morrer na cadeia. Estuprador tem que morrer. Mas o Robinho não estuprou ninguém. Os amigos do Robinho não estupraram ninguém. Participamos de uma orgia. Com a consciência de todo mundo", cravou Claytinho em entrevista ao UOL.

Clayton conhecia e conversava com a jovem albanesa por mais de um ano. Ele confessa que estranhou ao se deparar com ela se relacionando com mais de um homem, mas tratou o ocorrido como "orgia", e não uma agressão sexual. Ele ainda negou que a mulher estivesse embriagada.

"Ela estava sempre tomando, sempre bebendo. Tomava um drinque, o copo sempre cheio, ela não virava", disse. No entanto, o amigo de Robinho admitiu que a jovem se sentiu mal no final da festa. "Ela começou a chorar porque estava passando mal: 'Pô, estou passando mal, tenho que falar com as minhas amigas.' E vomitava", afirmou.

De acordo com Claytinho, o motivo de Robinho ter dito nos grampos que a albanesa estaria bêbada seria por ele ter "memória curta". Ele diz que o ex-jogador "nem sabia o que estava falando".

"As pessoas próximas que conhecem o Robinho... O Robinho tem uma memória muito assim... um pouco curta a memória dele. É tanta informação na cabeça do Robinho! Tanta informação, de tudo, naquela época. De marketing, de trabalho. Era tanta informação na cabeça do Robinho que o Robinho não deu muita atenção. Então o Robinho falou bobagem. O Robinho falou coisas... Ali ele não sabe nem o que ele estava falando", pontuou.

Clayton é o único dos amigos de Robinho cuja voz não aparece nos áudios gravados pela polícia, grampeados e utilizados como prova na condenação por estupro. Contudo, nas gravações, o ex-jogador diz que Claytinho participou sim do ato.

Para o amigo, as palavras de Robinho não devem ser levadas a sério. "O cara não cometeu crime nenhum. O único crime que o Robinho cometeu ali foi naqueles áudios, naquela brincadeira que ele fez. Ele falou um monte de merda. Quem está com a gente, sabe: ele fala um monte de merda brincando. Destruíram a vida do Robinho. Eu me sinto muito culpado também", lamentou.

Clayton Santos e outros amigos de Robinho — Fabio Galan, Rudney Gomes e Alex "Bita" Silva — foram denunciados pela promotoria na Itália, mas o processo deles está travado porque eles não foram informados oficialmente da acusação. Com isso, nunca puderam se defender dela.

exclamção leia também