31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Resistência e afirmação - 24/11/2023, 11:01 - Artur Soares*

Rafa Chagas representa estética da quebrada em suas produções

Morador honorário do Candeal, músico volta a focar na carreira solo em meio ao sucesso como compositor

Rafa Chagas, cantor e compositor
Rafa Chagas, cantor e compositor |  Foto: Uendel Galter/ Ag. A Tarde

Depois de escrever hits como Zona de Perigo, sucesso na voz de Leo Santana, Rafa Chagas decidiu investir de vez em sua carreira solo. Misturando afrobeats com ritmos baianos, o músico valoriza a estética negra e passa uma mensagem de positividade. “Acredito que minha música traz esse aspecto de alegria, resistência e afirmação do preto na comunidade”, contou em entrevista ao MASSA!.

Apesar de ser morador do Acupe de Brotas, o cantor passou quase sua vida inteira frequentando o Candeal. O local foi um dos responsáveis por aprimorar o lado artístico de Rafael e é inspiração para ele até os dias atuais. “É um bairro de pessoas trabalhadoras, que conquistam seu espaço e se afirmam como cidadãos pretos”, comentou.

Apesar de ser morador do Acupe de Brotas, o cantor passou quase sua vida inteira frequentando o Candeal
Apesar de ser morador do Acupe de Brotas, o cantor passou quase sua vida inteira frequentando o Candeal | Foto: Uendel Galter/ Ag. A Tarde

Berço de diversos projetos sociais, o Candeal é um local propício para a geração de novos artistas. Foi essa musicalidade latente que despertou o interesse do futuro compositor. “Sempre tive a curiosidade de conhecer com meu primo. A gente vinha escondido para a casa de minha avó para se inscrever nas escolas da Pracatum”, relembrou, citando a instituição social idealizada por Carlinhos Brown.

Confiança de Brown

Por falar no Cacique, ele também teve um papel importante no desenvolvimento de Rafa como artista. O primeiro contato entre os dois aconteceu durante a adolescência de Chagas, quando ele fazia parte da Lactosamba, grupo formado por jovens negros da região do Candeal. “Tive a honra dele (Carlinhos Brown) participar do meu CD, na canção Vem Viver a Vida Comigo", detalhou.

Depois dessa primeira parceria e perceber que o rapaz tinha talento, Brown decidiu convidar o jovem para assumir os vocais da Mukindala. Posteriormente, também foi chamado para integrar a Timbalada. O convite foi uma surpresa, mas ele encarou de frente. “Para mim, foi uma grande escola fazer parte desse movimento percussivo afrobrasileiro. Carlinhos abriu portas, me levou para vários lugares”, elogiou.

Mesmo com esse grande histórico profissional, o ápice da sua carreira só veio este ano com “Zona de Perigo”. Embora o Gigante tenha recebido toda a atenção da mídia, Rafa afirma que a canção também mudou sua vida.

“Essa música reverberou não só na vida de artista de Leo Santana, mas na de todos os compositores que participaram. Foi um sucesso coletivo”, esclareceu. Por fim, mesmo que esteja focando na carreira solo, Chagas não pretende largar a composição. “Acho que meu lado compositor fortalece o meu lado cantor”, pontuou.

As batidas que atravessam gerações

Mesmo frequentando um ambiente que respira música, fica claro que as influências artísticas de Rafa Chagas vieram de berço. Com uma família completamente musical, o destaque vai para seu tio, ninguém menos que o músico Magary Lord.

Ele foi o grande incentivador de Rafa e seu mestre nessa caminhada para o sucesso. “Meu tio é uma base muito grande e tem uma influência muito forte em minha vida, como pai, educador e músico”, admitiu.

Foi querendo seguir os passos de Magary que Rafa se aventurou na carreira musical. “Ele sempre me mostrou possibilidades por meio da arte, com sua garra, luta e força de vontade”, garantiu.

Comemorando dez anos de parceria como músicos, os dois estão planejando um lançamento juntos. “A gente vem pensando em fazer algo colaborativo, de forma natural e leve, para esse próximo ano”, revelou.

Com o mozão no programa de Ivete

Além da ascensão na carreira solo, Rafa Chagas também surpreende na televisão. Ao lado de seu grande amor, Uildnaires Uenes, o artista participa do programa Pipoca da Ivete, em que participa do quadro “Meu Namorado é Melhor”. O casal segue firme na competição e já avançou para mais uma fase.

“A gente está falando da nossa vida, da nossa existência como casal preto, baiano e que já passou por diversas coisas”, salientou. Por ser uma experiência completamente diferente, o músico revela que a namorada foi pega de surpresa, mas que tirou de letra.

“Hoje ela está em evidência, sendo porta-voz da própria história em uma rede nacional”, completou.

Por fim, a parceria dos dois vai muito além da mostrada no programa. Além de incentivar o mozão, Uildnaires também dá algumas dicas na hora de produzir um som. “Ela tá sempre opinando no meu repertório”, confessou.

*Sob a supervisão do editor Jefferson Domingos

exclamção leia também