29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

BARATINO PURO! - 10/04/2023, 10:30 - Alan Santana

Paparazzi 'pega ar' sobre acusação de armar foto com Patrícia Poeta

Após repercussão de possível armação, o fotografo quebrou o silêncio de uma só vez

Paparazzi fala sobre as fotos de patrícia Poeta
Paparazzi fala sobre as fotos de patrícia Poeta |  Foto: Reprodução/TVGlobo

A apresentadora Patrícia Poeta ganhou a mídia neste final de semana. Em plena sexta-feira santa (7), a comandante do 'Encontro' surgiu em uma praia do Rio de Janeiro, sozinha e com semblante de abatida. Andando, a famosa olhava para o infinito bastante reflexiva. As imagens viraram memes na intenet, já que para muitos internautas e telespectadores do programa, se tratava de uma armação com o paparazzi.

A suposição que viralizou na web foi que a global, junto a sua assessoria, limparia sua imagem contratando um fotógrafo para fazer cliques em um momento de vulnerabilidade. A suposta rivalidade com o apresentador e colega Manoel Soares e todo cancelamento nas redes sociais, seria o ápice da decisão. Acontece que essa história tem um novo capítulo, já que o profissional que tirou a foto negou a situação e deu sua versão. Em entrevista à colunista do Metrópoles, Fábia Oliveira, Victor Chapetta, da AgNews, explicou o ocorrido.

“Eu trabalho todos os dias na zona sul, caçando os famosos, seja em restaurantes, em shopping, na praia. No momento da foto, uma fonte minha ligou dizendo que ela estava caminhando na orla. Eu estava no Leblon, peguei a bicicleta e fui até Ipanema. Chegando lá, a encontrei e fiquei do outro lado da calçada, só esperando para ver o que ela ia fazer. Aí fiquei uns dez minutinhos marcando ela, ela andando pela orla. E eu, quieto, sem mostrar câmera nem nada. A câmera estava na mochila e eu longe dela. Quando ela foi pra areia, eu vi que naquele momento poderia render uma foto interessante pra mim”, disse Chapetta sobre as fotos de Patrícia Poeta.

Segundo o fotógrafo, foi tudo uma questão de sorte: “Fui para um canto, o pessoal estava recolhendo cadeiras de praia e eu fiquei escondido entre as pilhas de cadeiras esperando que ela se movimentasse até um local onde a luz estivesse melhor. Como as fotos levam meu nome, eu não faço nada de qualquer jeito. Eu espero o momento certo, a iluminação melhor, eu vou para um ângulo melhor. Acabei dando sorte de o pessoal estar recolhendo as cadeiras. Então, fiquei dali, na reta, com a câmera longa. Estava bem distante dela, fotografando. Então, quando falam que a foto está muito bonita eu até agradeço: ‘Muito obrigado! É esforço’”.

Sobre a foto ser armada com Patrícia Poeta, ele foi enfático em suas palavras: “E, assim, o pessoal falando que a foto é armada, desvaloriza meu trabalho. Estou todo dia lá na zona sul. Quando afirmam isso, chega a chatear, porque parece que a gente não trabalha, que a gente fica em casa esperando o artista avisar onde vai estar para ser fotografado. E, na realidade, não é assim. Rodo aquilo tudo de bicicleta, chego em casa cansado. Tem dias que volto frustrado porque saí com uma meta e não consegui fazer o registro de ninguém. Então, quando falam que é armado, combinado com o artista, realmente chateia muito”

exclamção leia também