31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

deixa ela, moça - 04/04/2024, 14:52 - Acácia Vieira

Márcia Goldschmidt detona Deborah Secco após vídeo sobre sexo anal

Apresentadora usou as redes sociais para comentar as declarações da atriz

Atiçada, Deborah Secco abriu o jogo sobre amar sexo anal
Atiçada, Deborah Secco abriu o jogo sobre amar sexo anal |  Foto: Reprodução/Redes Sociais

A apresentadora Márcia Goldschmidt usou as redes sociais, na manhã desta quinta-feira (4), para detonar Deborah Secco, após a atriz falar sobre sexo anal durante o programa 'Surubaum', apresentado por Gio Ewbank e Bruno Gagliasso. Na entrevista, a famosa admitiu ter tara em sexo anal e que sente mais prazer quando coloca o 'bumbum pra jogo'.

Entretanto, as falas da artista não agradaram a apresentadora. “Sou antiga, sou, sim! Sou quadrada, talvez. Sou antiquada, por que não? Mas eu não concordo com esse tipo de declaração. Não tenho nada contra a Deborah Secco. Pelo contrário, tenho uma simpatia por ela. Não é pessoal. Estou falando do tipo de conteúdo que eu considero absurdo na internet, porque trata da intimidade, privacidade e da vida sexual das pessoas. Quando começamos a banalizar a intimidade entre quatro paredes”, iniciou ela.

Na ocasião, a atriz revelou que ama "dar o c*" e sempre achou muito prazeroso. "Eu amo dar o c*. Acho gostosíssimo. Tenho inclusive uma aula de como fazer sem doer. Para mim, o sexo anal incha o meu clitóris, aí encosta no clitóris, eu gozo. [...] Eu nunca cuspi e te digo mais: às vezes goza na barriga e eu vou lamber. Tem uns que têm gosto de éter, mas tem uns que são gostosinhos", detalhou Secco.

"Ah, mas é educação sexual. Educação sexual não é na internet. As minhas filhas amanhã, ou seus filhos, vão começar a ver esse tipo de vídeo. Os coleguinhas vão trocar e falar: ‘olha, vamos engolir, lamber, bater, subir, fazer…’. Você vai gostar? Eu não vou gostar não. A sexualidade está banalizada. O desrespeito e a violência contra a mulher estão crescendo, porque agora é tudo normal", continuou Márcia, ao citar que diversas crianças têm acesso a esse tipo de conteúdo.

Apesar de achar que em quatro paredes vale tudo, a apresentadora não concordou com a exposição em cima de um assunto que deve ser apenas para maiores de 18 anos. "Agora, sair por aí, nas redes sociais, achando lindo, todo mundo rindo da pessoa que fala: ‘eu faço de lado, eu bebo, eu lambo…’ Não. Não, porque as redes sociais não têm cadeado nem censura. Porque muita gente vai ter acesso a esse tipo de vídeo e vai, principalmente, na cabeça das crianças e adolescentes, colocar minhocas. Sou do tempo onde decência e pudor não fazem mal a ninguém. Eu não concordo, não aceito e não aprovo", completou.

Veja:

exclamção leia também