31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Pegou ar! - 28/12/2023, 21:30 - Matheus Calmon/Portal A Tarde- Atualizado em 29/12/2023, 07:54

Kannário vê 'o bicho' após flagrar PM agredindo idosa: "Tô cansado"

Artista se apresentou em um trio na Arena Daniela Mercury nesta quinta-feira (28)

Artista se apresentou em um trio na Arena Daniela Mercury nesta quinta-feira (28)
Artista se apresentou em um trio na Arena Daniela Mercury nesta quinta-feira (28) |  Foto: Denisse Salazar / Ag. A TARDE

Igor Kannário agitou uma multidão de fãs em um show de cima do trio na Arena Daniela Mercury nesta quinta-feira (28), transformando o espaço em um verdadeiro esquenta para o carnaval. Ao chegar, o cantor afirmou estar feliz por se apresentar no primeiro dia do Festival Virada Salvador 2024.

"Muito feliz de estar aqui. Aos trancos e barrancos, estamos aqui. Pode botar qualquer horário que 'nós' bota pra virar qualquer horário", celebrou o artista. Minutos depois, ele parou o show e denunciou ter flagrado um policial agredindo uma idosa em sua plateia. O cantor disse que está cansado de assistir a mesma perseguição em todas as suas apresentações.

"Eu dei uma entrevista com um podcast policial de ano passado, aonde a primeira mesa para todas as cartas lembram-se de paz a onde eu coloquei a mesa e a subir todos os meus erros. Digo que o alho de lá não assumiu nada. Em Brasília (...) O que é que eu sou? Eu sou um cidadão, pai de família, trabalhador que pago meu imposto e tenho direito a opinião, o direito de falar. Eu disse assim, eu peço perdão a todos os policiais militares pela minha narrativa passada. Eu acabei de ver o policial dando uma cacetada em uma senhora. Eu não vim aqui arregar. Eu não vim aqui porque eu tenho medo", desabafou o cantor.

Instantes depois, ele frisou que o que disse não foi desrespeito, mas um desabafo. "Foi um desabafo, não é desrespeito. O que falei no podcast vou assumir. Se o Kannario der mole, a polícia pode cobrar. Se o polícia der mole, vamos cobrar", frisou.

Se ligue no vídeo:

exclamção leia também