29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Deu ruim! - 06/12/2023, 10:44 - Vinicius Viana

Empresário de Alexandre Pires vai em cana; cantor para na delegacia

Alexandre Pires e Matheus Possebon são investigados por suposto envolvimento com garimpo ilegal

Imagem ilustrativa da imagem

O empresário do cantor Alexandre Pires, Matheus Possebon, foi preso na terça-feira (5), por suposto envolvimento com garimpo ilegal em terras indígenas. A prisão foi realizada pela Polícia Federal após o agente musical desembarcar do cruzeiro temático do artista.

Alexandre Pires, também investigado por suposto envolvimento com garimpo ilegal, foi conduzido à sede da PF, ouvido e liberado. A informação foi divulgada pelo programa Encontro, exibido na TV Globo. Endereços ligados ao artista e ao agente foram alvo de buscas na segunda-feira (4), na Operação Disco de Ouro.

A defesa de Matheus Possebon se manifestou publicamente sobre a prisão, afirmando que ela é uma violência contra o cliente. "Foi decretada por conta de uma única transação financeira com uma empresa que Matheus não mantém qualquer relação comercial", disse o advogado Fábio Tofic Simantob, em comunicado enviado à Splash.

Entenda o esquema criminoso:

De acordo com a Polícia Federal, Alexandre Pires teria recebido pelo menos R$ 1 milhão de uma mineradora investigada. Já Matheus Possebon é suspeito de financiar o garimpo na Terra Indígena Yanomami e seria o responsável pela parte financeira da organização criminosa.

A investigação começou em janeiro de 2022, após a polícia apreender quase 30 toneladas de cassiterita — principal minério de estanho, extraído ilegalmente — na sede de uma das empresas suspeitas. O carregamento em questão seria enviado ao exterior.

exclamção leia também