23º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Em cartaz - 11/04/2024, 06:40 - Artur Soares*

CineMassa: Novo 'Caça-fantasmas' entrega comédia e ação

'Ghostbusters: Apocalipse de Gelo' chega aos cinemas nesta quinta-feira (11)

Imagem ilustrativa da imagem

Não existe ninguém que viveu durante os anos 80 que não conheça o tema dos Caça-Fantasmas. A franquia se tornou um ícone na cultura pop e sua fama atravessou décadas. Em 2021, a saga retornou às telonas de forma triunfal com o lançamento de Ghostbusters - Mais Além. Depois do sucesso, uma sequência já estava engatilhada e ela chega hoje aos cinemas, com a estreia de Ghostbusters: Apocalipse de Gelo.

Continuando a trama do longa anterior, Apocalipse de Gelo acompanha a família Spengler e sua rotina como os novos Caça-Fantasmas. Para quem não assistiu Ghostbusters - Mais Além, vale ressaltar que a família é formada pelos descendentes de Egon Spengler, um dos protagonistas originais. Isso já revela a grande aposta da produção: a nostalgia. O filme está lotado de referências ao longa de 1984.

Além de apostar no apelo da franquia, a obra também investe pesado na comédia. Diferente de seu antecessor, a sequência cai de cabeça no humor e não se leva muito a sério em momento algum. A produção consegue entregar momentos genuinamente engraçados, principalmente os protagonizados pelo ator Kumail Nanjiani.

Entretanto, esse excesso de piadas acaba por anular qualquer senso de urgência que a história tenta construir.

Por falar nisso, o roteiro não é o forte do novo lançamento. O enredo abre mão de desenvolver os demais personagens para dar tempo de tela para Phoebe Spengler, que assume o protagonismo aqui.

Apesar da personagem ser interessante, a obra trabalha seu arco de forma muito apressada e sem o devido aprofundamento. Eles até tentam ensaiar uma relação entre ela e uma fantasma, mas acaba não rendendo muita coisa.

Os fantasmas do filme também merecem elogios. Com o retorno de alguns velhos conhecidos, a trama também apresenta novas criaturas super divertidas.

O mesmo não pode ser dito sobre o vilão principal. Com um visual que parece ter copiado o Vecna, de Stranger Things, o vilão consegue ser bem genérico. A batalha final contra ele também não ajuda muito, sendo extremamente esquecível.

Ghostbusters: Apocalipse de Gelo apela para o peso que a franquia tem, entregando bastante nostalgia e não tentando nada além disso. Mesmo com um roteiro fraco, o longa consegue entregar excelentes cenas de comédia e algumas boas cenas de ação.

*Sob a supervisão do editor Jefferson Domingos

exclamção leia também