26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

que parada - 06/04/2023, 14:15 - Santiago Oliveira

Atriz usa barriga de aluguel para gerar bebê nos EUA

Ana Obregón, de 68 anos, revela que bebê nascida por meio de barriga de aluguel nos Estados Unidos é sua neta

Atriz afirmou que se sentia 'viva de novo' após o nascimento da bebê
Atriz afirmou que se sentia 'viva de novo' após o nascimento da bebê |  Foto: Europa Press/ Getty Images via BBC

Uma semana depois de a atriz Ana Obregón, de 68 anos, surpreender a Espanha ao revelar que teve um bebê por meio de uma barriga de aluguel nos Estados Unidos, ela agora explicou que a recém-nascida é filha do seu filho morto. Apesar ter uma mulher dando à luz por você seja ilegal na Espanha, adotar criança nascida no exterior é permitido.

"Esta menina não é minha filha, ela é minha neta", disse ela à revista ¡Hola! enquanto estava em Miami.

O filho dela, Aless Lequio, morreu de câncer aos 27 anos, e Obregón vê a bebê como sua missão.

Leia mais: Mulher é encontrada morta dentro de hotel no Campo Grande

Veja também: Abandono de emprego: Cezar Black é investigado no DF

"Este foi o último desejo de Aless, trazer um filho ao mundo", disse ela, descrevendo uma conversa que teve uma semana antes do filho morrer.

E m 2020, uma amostra do esperma dele foi congelada e armazenada em Nova York. Uma mulher cubana e que vive na Flórida, carregou o bebê na barriga.

A revelação inicial de Obregón sobre a contratação de uma barriga de aluguel nos Estados Unidos provocou a ira dos ministros do governo de esquerda e gerou um debate nacional na Espanha. Irene Montero, ministra da Igualdade, classificou a prática da seguinte maneira: "uma forma de violência contra as mulheres".

Para a atriz, a polêmica sobre o nascimento do bebê é "absurda" e argumentou que a barriga de aluguel é uma forma de reprodução assistida que é legal em grande parte do mundo. Barriga de aluguel é quando uma mulher concorda em carregar e dar à luz um bebê em nome de outra pessoa. Muitas vezes, mas nem sempre, isso é feito em troca de dinheiro.

Ana Sandra, a recém-nascida, vai ser registrada no consulado espanhol antes de ir para Madrid. Ana Obregón se recusa a descartar a possibilidade de dar um irmão ou irmã à neta.

exclamção leia também