31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Onda, onda, olha a onda - 06/07/2023, 12:25 - Bruno Dias- Atualizado em 06/07/2023, 12:36

Tempestade marítima faz ondas invadirem Yatch Club da Bahia; assista

Durante o vídeo é possível ver as ondas agressivas na encosta do clube

Momento em que as ondas invadiram o Yatch Club
Momento em que as ondas invadiram o Yatch Club |  Foto: Reprodução Vídeo

A fúria do mar no litoral baiano não está para brincadeiras e fez ondas altamente agressivas ultrapassarem a encosta e inundar algumas áreas das instalações do Yatch Club da Bahia, que fica na Barra, em Salvador, durante a manhã desta quinta-feira (6).

Durante os vídeos compartilhados nas redes sociais, é possível ver o momento em que o mar desafia as barreiras de contenção do clube náutico e as poderosas ondas entram agressivamente no local, surpreendendo quem estava presente e causando pequenos danos ao estabelecimento.

Em nota concedido ao Portal Massa! a comunicativa do Yatch Club confirmou o caso ocorrido nesta quinta, informando também que por conta das condições agitadas do mar, providências foram tomadas e as atividades do clube foram devidamente suspensas até a sexta-feira (7).

"No momento dos registros, o clube estava praticamente vazio e, por isso, não houve necessidade de restrição de acesso. Como as condições do mar já estavam no radar do clube, aulas de esportes aquáticos e futevôlei foram suspensas, a mobília foi removida da orla, barcos e canoas foram retirados do mar, a ponte de embarque foi suspensa, entre outras providências. Hoje, após o primeiro dia de ressaca, apenas algumas soleiras quebradas e pedras arrancadas, danos já esperados pelo clube. Existe a previsão da ressaca continua até sexta pela manhã, quando clube retornará suas atividades normais", afirmou.

Em um comunicado emitido pela Marinha do Brasil na última quarta-feira (5), o órgão alertou sobre as ventanias brabas que vem chegando com tudo na beira do mar da Bahia, além de mencionar também a chegada de ondas acima de 2m de altura. “A Marinha do Brasil participa que a persistência de ventos intensos de sudeste poderá provocar ressaca na faixa litorânea entre os estados da Bahia e de Pernambuco, entre Salvador (BA) e Recife (PE), com ondas de direção sudeste e altura de até 2,5 metros, entre as noites dos dias 5 e 6 de julho", disse a nota.

Se ligue nos vídeos:

exclamção leia também