22º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Transtorno em Salvador - 30/04/2024, 06:33 - Da Redação - Atualizado em 30/04/2024, 07:45

Rodoviários atrasam saída em duas garagens e bairros ficam sem buzu

Ato da categoria atrasa saída do transporte público de 4h para 8h nesta terça (30)

Categoria está mobilizada nas garagens G1 OTTrans e G2 Pirajá
Categoria está mobilizada nas garagens G1 OTTrans e G2 Pirajá |  Foto: Rafaela Araújo / Ag. A TARDE

O Sindicato dos Rodoviários da Bahia cumpriu com a programação que havia sido divulgada para esta terça-feira (30) e atrasou a saída de ônibus em duas das garagens de Salvador. Cerca de 500 veículos estão presos nas garagens da G1 OTTrans, em Pirajá, e G2 Plataforma, em Campinas. A previsão é que os ônibus deixem as garagens às 8h, com quatro horas de atraso.

Passageiros de alguns bairros da cidade terão dificuldade para se locomover nesse início da manhã, já que as linhas que deveriam ter partido das garagens mobilizadas alimentam as localidades de Cajazeiras, Estação Mussurunga, Boca da Mata, Pau da Lima, Sete de Abril, Castelo Branco, Nova Brasília, Jardim Nova Esperança, Jardim das Margaridas, Conjunto Pirajá, Marechal Rondon e Fazenda Grande do Retiro.

Veja:

A mobilização da categoria, que está em campanha salarial, é a terceira em menos de uma semana. Eles reivindicam pautas como reajuste salarial com reposição da inflação e ganho real de 4%; aumento do ticket alimentação; entrega de cestas básicas de R$ 500; e integração do vale-transporte dos rodoviários com o metrô da cidade.

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Salvador (Semob) adotou um esquema especial de transporte para minimizar os impactos da mobilização e 185 ônibus do Sistema Complementar de Transporte (STEC) darão suporte à operação, atendendo os principais corredores, além do remanejamento de ônibus de outras garagens para atender a demanda. Em nota, a Semob informou que mantém contato com o sindicato na tentativa de suspender manifestações que trazem prejuízos à população.

exclamção leia também