29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Quem está certo? - 14/07/2023, 10:03 - Anderson Orrico

Motoboy do Rio devora lanche de clientes que não descem na portaria

Pedro Júnior afirmou que não sobe até o apartamento por questão de segurança

Pedro compôs até música para deixar os momentos mais engraçados
Pedro compôs até música para deixar os momentos mais engraçados |  Foto: Reprodução

Um situação que sempre viraliza nas redes sociais e causa muita discussão mais uma vez ganhou notoriedade no Rio de Janeiro. O motoboy Pedro Roberto Pereira Júnior, de 27 anos, está fazendo sucesso no TikTok postando vídeos comendo o lanche dos clientes que não querem ir até a portaria dos condomínios para receber a entrega.

Em entrevista ao g1, o motoboy afirmou o iFood, plataforma para qual trabalha, é quem determina as regras e que não vai até o apartamento dos clientes por questão de segurança.

“O iFood fala que não é obrigação nossa subir, só se o cliente for deficiente. Fora isso, não precisa subir. Só que tem vários que não querem descer e são mal-educados. A gente está no Rio de Janeiro, tenho vários amigos entregadores que subiram para entregar o lanche e perderam a moto. É complicado”, disse Pedro.

“Quando o cliente não desce, o iFood me dá duas opções: posso voltar e devolver o pedido ao restaurante ou eles falam para eu descartar o lanche. Quando estou perto, eu devolvo. Mas quando eu já estou com outra entrega, eles falam para eu descartar. Mas eu não vou jogar fora, eu como ou dou para um morador de rua”, revelou.

A prática passou a ser recorrente pelos bairros da Zona do Rio, onde ele mora. Com a popularização de seus vídeos, Pedro Júnior criou até letra de uma música.

Com o sucesso dos seus vídeos, Pedro resolveu compor uma música para deixar os momentos mais descontraídos.

“Se não descer, eu como mesmo, eu como mesmo; Não tem ‘caô', eu como mesmo, eu como mesmo; Se não descer, eu nem ligo. Como mesmo, como mesmo”, fala a música que Pedro canta em seus vídeos.

O iFood informou que "a obrigação do entregador é entregar no primeiro ponto de contato que existe na residência da pessoa, seja na porta de uma casa ou portaria de um condomínio”.

Se o cliente se recusar a descer, a orientação “é que o profissional avise sobre o ocorrido no aplicativo e volte com o pedido para o destino inicial (no caso, os estabelecimentos) ou descarte o item”.

A plataforma também informou que no caso dos clientes, eles podem solicitar o reembolso do pedido, que é avaliado caso a caso.

Veja o vídeo:

exclamção leia também