28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Tristeza! - 19/12/2023, 16:52 - Acácia Vieira

Mãe e filho morrem após comerem doce em estabelecimento de Goiânia

Eles foram internados com sintomas de vômito, diarreia e dores abdominais

Mãe e filho morrem após comerem doce de 'famoso estabelecimento' em Goiânia
Mãe e filho morrem após comerem doce de 'famoso estabelecimento' em Goiânia |  Foto: Reprodução

Leonardo Pereira Alves, de 58 anos, e sua mãe, de 86 anos, morreram após comerem doces comprados em um estabelecimento famoso em Goiânia (GO). De acordo com os familiares, os dois foram internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no domingo (17) depois de passarem mal. Eles faleceram com poucas horas de diferença.

A morte dos familiares está sendo investigada pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios de Goiás. Segundo a assistente da Polícia Civil, Leonardo faleceu primeiro que sua mãe.

Nas redes sociais, a filha de Leonardo contou detalhes como tudo aconteceu. "Ele acordou, comeu um alimento comprado em um estabelecimento famoso e bem certificado, mas acabou passando mal", disse ela.

Maria Paula contou também que o pai estava com sintomas como vômito, diarreia e dores abdominais. "Vomitou sem parar, por horas, buscou atendimento médico e, quando eu soube da situação, já havia ocorrido uma série de complicações que acabaram levando a óbito. Entre o primeiro sintoma até seu último suspiro não teve nem 12 horas".

A mãe de Leonardo faleceu na madrugada desta segunda-feira (18), algumas horas após a morte do filho. A idosa teve os mesmos sintomas, chegou a ser internada, mas não resistiu.

"Ontem minha vovó passou mal junto com meu pai, foi internada no mesmo momento, mesma UTI, aguentou mais tempo mas hoje de madrugada foi acompanhar o meu papai no céu", disse Maria Paula sobre a morte da avó.

Ainda não se sabe a causa da morte da mãe e do filho, e ainda não é possível afirma se eles foram vítimas de envenenamento, segundo a jovem.

O delegado responsável pelo caso informou que tudo ocorrerá em sigilo e as próximas informações não serão divulgadas. Já a empresa responsável pelo estabelecimento se solidarizou com a família e está averiguando os produtos vendidos após se espalhar pela cidade boates que os doces vendidos estariam envenenados.

exclamção leia também