26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Cadê os gatos? - 12/12/2022, 21:09 - Cássio Moreira

Homem some com gatos de ex-mulher, que fica desesperada: "Angústia"

Protetora trata câncer e cuidava de 20 animais em um apartamento

Iacina luta contra um câncer e cuidava dos animais em um apartamento usado apenas para os gatos
Iacina luta contra um câncer e cuidava dos animais em um apartamento usado apenas para os gatos |  Foto: Reprodução/TV Bahia

Um mulher teve 19 dos 20 gatos que cuidava em um apartamento roubados pelo seu ex-marido. O caso aconteceu em Salvador, no dia 29 de novembro.

A arquiteta Iacina Meira, de 56 anos, que passa por tratamento de câncer, está separada desde 2015 de Ismar. Em entrevista à TV Bahia, ela afirma que durante o período de relacionamento, ele já mostrava insatisfação com os animais, que ficavam em um outro apartamento.

A dona dos animais ainda disse ter ficado com o imóvel usado para manter os gatos, e a guarda dos três filhos. Ainda assim, o homem invadiu o local, com o auxílio de um chaveiro, e capturou os animais. A arquiteta não sabe o que foi feito com os animais. "Quando ele conseguiu, com um chaveiro, novamente abrir a porta, se deparou com o apartamento vazio. Não tinha nenhum gato e o apartamento todo bagunçado, ou seja, eles sofreram um stress muito grande durante a captura”, explica.

Iacina ainda afirma que o homem não prestou nenhum depoimento oficial, mas que em uma das vezes que esteve na delegacia, não disse o paradeiro dos gatos. “Ele ainda não prestou um depoimento oficial, porque o delegado estava em diligências. No dia que ele foi, se negou a dizer onde os gatos estavam. É um amor muito grande que eu tenho por eles, então minha preocupação, minha angústia, é não saber onde estão. É muito difícil para mim”, disse.

A ex-vereadora de Salvador, Ana Rita Tavares, advogada de Iacina, diz que Ismar cometeu três crimes. “Ele cometeu três crimes. Um é o de maus tratos aos animais. Retirar os animais da condição em que viviam, de ter alimentação certinha, de ter amparo, de ter proteção, e estarem acostumados com aquele ambiente, protegidos, é crime de maus tratos. O segundo crime foi a violação de domicílio. Ele jamais poderia entrar sem ter o consentimento dela. Além desses dois crimes, houve o furto qualificado, porque ele furtando os animais, utilizando um meio de abrir a porta como ele fez, através de um chaveiro, ele praticou o crime", pontuou Ana Rita.

exclamção leia também