28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Atropelamento - 29/02/2024, 11:59 - Silvânia Nascimento

Cachorro-do-mato é devolvido à natureza após passar 40 dias internado

Animal foi atropelado na região da Praia do Forte

Momento que ele foi devolvido à natureza
Momento que ele foi devolvido à natureza |  Foto: Divulgação | Inema

Um cachorro-do-mato vítima de atropelamento, em Praia do Forte, foi devolvido à natureza, nesta quarta-feira (28), após passar 40 dias no Centro Estadual de Triagem de Animais Silvestres do Inema (Cetas).

Por causa dos ferimentos, o animal necessitou de tratamento e reabilitação, que teve início no dia 10 de janeiro, quando o Cetas foi acionado para a ocorrência do atropelo ocorrida na Linha Verde. Segundo o Inema, o animal foi encontrado em estado clínico grave, com politraumatismo, fraturas em quadril, escápula e costelas.

“Inicialmente a equipe fez uma avaliação das condições físicas e de saúde do animal, verificando a necessidade de uma cirurgia de emergência. A intervenção foi um sucesso, o animal respondeu muito bem aos procedimentos realizados, tendo uma excelente recuperação. Com a alta clínica, deu-se início à reabilitação, ou seja, um trabalho para restabelecer os seus movimentos naturais, além da adoção de técnicas para manter seus hábitos alimentares e comportamentais, até a reintrodução do animal à natureza”, explicou o médico veterinário do Cetas/ Inema, Márcio Andrade.

A espécie

A espécie tem ampla distribuição geográfica na América do Sul e habita todos os biomas brasileiros, preferencialmente áreas abertas, campos e cerrados. É um animal territorialista de dieta onívora, que varia dependendo da estação e tipo de bioma, geralmente incluem frutos e pequenos mamíferos, mas também podem se alimentar de aves, répteis e anfíbios.

Imagem ilustrativa da imagem Cachorro-do-mato é devolvido à natureza após passar 40 dias internado
Foto: Divulgação | Inema

exclamção leia também