27º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

Noticia boa! - 16/05/2023, 18:53 - Da Redação

Barragem de Cariacá sangra pela primeira vez após obra de recuperação

Obra foi requisitada pelo deputado Laerte do Vando

Obra foi requisitada pelo deputado Laerte do Vando
Obra foi requisitada pelo deputado Laerte do Vando |  Foto: Divulgação

Após período de chuva na região do sertão nesses últimos dias, a Barragem de Cariacá, em Monte Santo, escorreu água pela primeira vez no sábado (12), após a obra de recuperação requisitada pelo deputado Laerte do Vando. O fenômeno é resultado do trabalho incansável do político em garantir recursos para a construção e manutenção adequada da estrutura, que agora se mostra em pleno funcionamento.

O reservatório é a principal fonte de abastecimento da cidade de Monte Santo e municípios da região do Sisal e tem capacidade de 3.093.500m³. Também conhecido como açude de Tapera, a represa é uma das mais antigas do Brasil, construído em 1919, e tem por finalidade abastecimento animal e irrigação.

“Coisa linda ver o açude da Tapera ganhar vida! Foi uma luta árdua e persistente para transformar esse projeto em realidade”, comemorou o deputado Laerte do Vando. A obra foi concretizada através do Departamento Nacional de Obras contra a Seca (DNOCS) do governo federal à época, e custou aproximadamente R$ 6 milhões.

Moradores de Monte Santo e cidades do entorno do açude de Tapera tem frequentado o local e celebrado o marco significativo para a segurança hídrica da região. “Obrigado deputado Laerte por essa obra! Agora está aí a natureza cooperando e a gente usufruindo aí dessa obra que você adquiriu. O sangradouro do Açude da Tapera”, celebrou o morador Luiz Costa.

Imagem ilustrativa da imagem Barragem de Cariacá sangra pela primeira vez após obra de recuperação
Foto: Divulgação

Previsão do tempo para o sertão

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a previsão é que ainda nos próximos dias até a metade dessa semana pode ter chuva pontual na região do sertão, mas com o sol prevalecendo. Já na estimativa para longo prazo o instituto faz o alerta.

“É importante que a gente já comece a tomar algumas atitudes com relação ao melhor consumo dessa água, evitar desperdícios”, sinaliza Cláudia Valéria, meteorologista do INMET.

De acordo com a especialista, isso se deve à entrada na fase de neutralidade provocada pela possibilidade de chegada do El Niño, fenômeno que pode gerar impactos significativos e afetar o clima, a agricultura, a criação de animais, entre outros setores econômicos.

“A perspectiva é que os próximos meses a gente já tenha uma condição mais seca. Então pra toda essa água que foi acumulada nesses últimos meses que choveu bem na região, que ela seja cuidada pra que a gente não venha sofrer consequências com a ausência de águas, já que para os próximos meses a tendência é de redução das chuvas”, explicou a meteorologista.

exclamção leia também