23º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Carnaval 2023

Música do bem - 21/02/2023, 07:45 - Tabitha Gomes

Aspiral do Reggae leva o som da Jamaica e mensagem de amor ao Pelô

Grupo fez homenagem ao cantor jamaicano Jimmy Cliff

Aspiral do Reggae no Carnaval
Aspiral do Reggae no Carnaval |  Foto: DIVULGAÇÃO

A essência do reggae ainda vive no Carnaval de Salvador, e a prova disso é o bloco 'Aspiral do Reggae', que desde 1994 leva o reggae music e a representatividade rastafari para as ruas do Centro Histórico da capital baiana. Esse ano o trio fez uma homenagem ao cantor jamaicano Jimmy Cliff, expoente do estilo no mundo e que morou em Salvador na década de 80, além de ter ajudado a popularizar o gênero.

O Portal Massa! conversou com exclusividade com os integrantes da banda, que marcaram presença nesta segunda-feira (20), penúltimo dia de Carnaval. Durante a conversa com o Dijhá Vicente, baterista do grupo, ele revelou a sua expectativa neste Carnaval.

"Minha expectativa está sendo a melhor possível, já que a gente ficou dois anos sem Carnaval, e nós queremos distribuir amor e muita positividade. Alegria no coração e Jhá na mente para prosseguir esse ano com muitas energias positivas", afirmou.

Imagem ilustrativa da imagem Aspiral do Reggae leva o som da Jamaica e mensagem de amor ao Pelô
Foto: Portal Massa/ Tabitha Gomes

Quem também conversou com o Portal Massa! foi o tecladista e vocalista da banda Aspiral do Reggae, Gel Faia. O músico falou um pouco sobre o sentimento de levar para o público esse gênero musical que é tão popular em Salvador.

"Nosso objetivo aqui é levar muita paz e muita alegria ao coração do solteiropolitano, que já sofreu dois anos sem o Carnaval, e levar o nosso reggae que algo é essencial na nossa cidade e faz parte da nossa cultura e da representatividade desta cidade. Estamos muito felizes em estar aqui", comentou Gel Faia, que completou:

"E a gente traz uma música que fala de coisas importantes, de coisas relevantes para o nosso povo. Então esse Carnaval tem sido de paz para todos nós".

Imagem ilustrativa da imagem Aspiral do Reggae leva o som da Jamaica e mensagem de amor ao Pelô
Foto: DIVULGAÇÃO

Fundador

O idealizador e vocalista Kamaphew Tawá, do bloco Aspiral do Reggae, contou um pouco sobre a trajetória da banda e expectativa para o Carnaval.

"Nossa maior expectativa é fazer um reggae gostoso, e saudável. Nós estamos aqui homenageando Jimmy Cliff, que é um reggaeman extremamente importante, um expoente do reggae internacional que veio para a Bahia com essa missão. Morou aqui em Salvador. E a nossa música traz essa cultura, que é uma cultura importante, forte e africana. O reggae aqui em Salvador é muito reconhecido porque o povo vive, respira e transpira essa cultura. É uma cidade africana, uma cidade majoritáriamente preta, então Salvador precisa também dessa música dentro do Carnaval, nós estamos muito felizes e agradecemos pelo apoio da imprensa ao nosso trabalho", explicou Kamaphew.

A Aspiral do Reggae nasceu em 1994 e virou também uma associação em 2004. Em 2010, foi a primeira vez que o bloco saiu. "No carnaval, a gente se sente importante porque a gente traz também a galera mais jovem que curte o gênero e dá essa moral para o nosso trabalho", lembrou Kamaphew, que completou:

"Para mim, a trajetória do Aspiral do Reggae é extremamente abençoada e agradecemos ao Massa! pela oportunidade de falar um pouco do nosso trabalho. O reggae é uma música forte aqui em Salvador e acho que os meios de comunicação precisam olhar para nossa música com mais carinho. Mesmo sendo um gênero que esteve envolto em polêmicas, a nossa missão sempre foi levar a paz e amor ao coração das pessoas".

O bloco Aspiral do Reggae estará nesta terça-feira (21) no Palco Multicultural do Centro Histórico de Salvador, com um repertório cheio de sucessos do reggae nascional.

exclamção leia também