Plantão

Sáb, 11/01/2020 | Atualizado em: 11/01/2020 às 05h06


Plantão

Malvado usou serrote para matar a mãe

Andrezza Moura
A+ A-

"Depois que foi ferida, ela veio correndo aqui para frente, olhou para mim e pediu: 'Ô, me ajude, me dê socorro, chame alguém'. Aí ele veio atrás dela com o serrote e a puxou. Eu nunca vou esquecer o olhar dela me pedindo ajuda". Foi com muita tristeza que uma moradora da Avenida Silveira Martins, Cabula, lembrou o momento no qual a vizinha, a promotora de eventos Gicelia da Silva Correia, 62 anos, foi agredida e morta pelo próprio filho, um homem de prenome Emanoel.

O crime foi cometido na tarde de quinta (9), dentro da casa da família, na Vila São José – uma avenida de casas simples –, localizada a poucos metros do Hospital Geral Roberto Santos. Segundo a vizinha, que preferiu não se identificar, a senhora foi morta ao tentar defender a filha, que tem problemas mentais e estava brigando com o suspeito.

Além da idosa e dos dois filhos, uma nora dela também estava na residência na hora do crime. Emanoel não feriu a irmã. Após a ação, o homem permaneceu no imóvel e foi preso por policiais militares da 23ª CIPM (Narandiba), quando tentava fugir.