Tá Quente!

Sex, 04/10/2019 | Atualizado em: 04/10/2019 às 07h49


Tá Quente!

"É sinal de trabalho"

Estadão Conteúdo
A+ A-

No lançamento de campanha publicitária para aprovação do pacote anticrime, o presidente Jair Bolsonaro defendeu que registros de mortes por autos de resistência são sinais de que os policiais trabalham. "Muitas vezes, a gente vê um policial ser alçado para uma função

e a imprensa dizer: 'tem 20 autos de resistência'. Tinha de ter 50. É sinal de que trabalha. Que faz sua parte e que não morreu", disse. Autos de resistência são mortes enquadradas como consequência da atividade do policial, como uma reação para legítima defesa. Bolsonaro crê na aprovação do Pacote na Câmara, mas lamenta baixas no texto, como a retirada do excludente de ilicitude.