Esporte

Seg, 09/09/2019 | Atualizado em: 09/09/2019 às 04h04


Esporte

Furacão alternativo para o peixe

Jefferson Domingos
A+ A-

Antigo líder absoluto do Campeonato Brasileiro, o Santos já não é mais o favorito para ficar com a taça. E, na tarde de ontem, vacilou de novo. Em casa, contra os reservas do Athletico-PR, em partida válida pela 18ª rodada, o Peixe só conseguiu um decepcionante empate por 1 a 1, graças a um gol de pênalti no final.

Com o resultado, o time comandado por Jorge Sampaoli permanece na segunda colocação com 37 pontos, mas vê o Flamengo abrir vantagem com dois pontos a mais na liderança.

Para deixar a disputa mais emocionante, Santos e Flamengo se enfrentam na próxima rodada, sábado (14), no Maracanã, em uma espécie de final simbólica do primeiro turno. Se vencer, o Peixe volta ao topo.

Já os comandados de Tiago Nunes, que estão focados na final da Copa do Brasil, que começa na próxima quarta-feira (11), contra o Internacional, saem de campo com um importante empate que os deixa com 26 pontos na nona colocação.

Mesmo com os reservas, o Furacão não se intimidou e abriu o placar com Braian Romero, aos 41 do primeiro tempo. O Santos só empatou no finalzinho da segunda etapa. O árbitro Rodrigo Carvalhaes viu falta de Braian Romero dentro da área após conferir o lance no VAR. Na cobrança, aos 46, Carlos Sánchez marcou com uma bela cavadinha.