Plantão

Sáb, 06/07/2019 | Atualizado em: 06/07/2019 às 04h02


Plantão

Dentista Fechou o cerco a quem matou Rita

leo moreira
A+ A-

Um dos três suspeitos de matar a dentista Rita de Cássia Guedes Fernandes, 59 anos, durante uma tentativa de assalto no IAPI, no dia 11 de junho, foi apresentado pela polícia na noite de ontem. Paulo Souza Maia, 35, é um dos suspeitos de participar do crime.

De acordo com o diretor do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), delegado Élvio Brandão, Paulo foi preso na tarde de ontem na localidade da Baixa do Tubo, em Cosme de Farias, enquanto lavava o veículo e já planejava a próxima ação.

"Tivemos informações de que ele estava se preparando para cometer mais um crime neste final de semana, mas precisamente, amanhã (hoje), por isso tivemos que efetuar logo a prisão", disse o delegado.

O capturado negou ter participado da ação e disse que fazia corrida e não sabia que se tratava de um crime. "Eu só parei o carro ali. Aí um deles falou 'tenho que levar um negócio aqui'. E desceu do carro. Aí pediu para eu encostar o carro. Daqui a pouco, não demorou nem 5 minutos e outro vem 'corre, corre. Tá rolando assalto aqui'. Eu peguei, arrastei o carro e saí do local", disse Paulo.

"Motorista de aplicativo era uma das ocupações dele. Na verdade, ele fazia parte de uma quadrilha que praticava esses tipos de crimes", salientou o delegado. Brandão também ressaltou que ele alega ser inocente, mas, "mesmo vendo o carro dele na mídia (Volkswagen Fox, prata) em nenhum momento procurou a polícia".