Esporte

Qua, 26/06/2019 | Atualizado em: 26/06/2019 às 04h03


Esporte

Fernandinho e mais 10

Léo Santana
A+ A-

A Seleção Brasileira fez o primeiro treinamento após conhecer seu adversário das quartas de final da Copa América, ontem à tarde, no CT do Grêmio, em Porto Alegre. Ainda sem o goleiro Cássio, a equipe do técnico Tite realizou movimentações táticas, técnicas e físicas com a presença de Fernandinho no campo.

O volante do Manchester City será titular diante do Paraguai, amanhã, às 21h30, quando irá substituir o suspenso Casemiro. E as últimas lembranças do jogador atuando pelo Brasil em importantes competições não são nada boas.

Fernandinho esteve em campo na vexatória goleada sofrida para a Alemanha por 7 a 1, na Copa de 2014, sendo apontado como um dos culpados pela derrota. Já no Mundial de 2018, quando foi titular na vaga de Casemiro, que também estava suspenso, ele foi visto como o grande vilão da eliminação brasileira ao participar negativamente dos dois gols sofridos pela Seleção Brasileira para a Bélgica.

No entanto, o volante tem moral com o técnico Tite, que acredita na sua volta por cima. "Estando em condições, será o Fernandinho o substituto do Casemiro. Será uma grande oportunidade de, diferentemente (de 2018), o Fernandinho jogar para caramba, arrebentar. E se não for ele, o Allan ou alguém mais específico", projetou o treinador.

Titular na estreia da Copa América, no lugar de Arthur, Fernandinho também entrou em campo no decorrer do empate sem gols com a Venezuela. Contra o Peru ficou fora até o banco de reservas devido a uma lesão, mas já treina normalmente e está pronto para 'exorcizar o fantasma' que o persegue.