Esporte

Ter, 14/05/2019 | Atualizado em: 14/05/2019 às 05h01


Esporte

Não há nada pra festejar

Léo Santana
A+ A-

Parecia que seria uma noite de comemorações pelos 120 anos do Vitória, mas no final a frustração foi a mesma que vem acontecendo desde as últimas temporadas. No dia em que festejou seu aniversário, o Leão até saiu na frente do placar, mas acabou levando a virada e perdeu por 3 a 2 para o Guarani, ontem, no estádio Brinco de Ouro, em partida válida pela 3ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

E não há mesmo o que festejar. O atacante Neto Baiano até abriu o placar para o Rubro-Negro logo aos 29 minutos e encerrou sem jejum de gols desde seu retorno ao clube. Após falha defensiva do Bugre, Felipe Garcia roubou a bola que sobrou para o centroavante sair da seca.

O problema é que, logo depois, o goleiro Caíque falhou feio e o time paulista igualou o marcador. Após um cruzamento na área do Leão, aos 35 minutos, o arqueiro rubro-negro não segurou a bola e Diego Cardoso escorou para o fundo da rede fechando o placar do primeiro tempo em igualdade.

No entanto, na etapa final, o Vitória voltou desligado e sofreu logo dois gols da virada em sequência. Aos 7 e 9 minutos, Mateusinho e Arthur, respectivamente, balançaram a rede rubro-negra após mais duas falhas do sistema defensivo do Leão.

Já no fim, o Rubro-Negro tentou uma reação e diminuiu o placar com um gol de cabeça do zagueiro Everton Sena aos 44 minutos. Mas não havia tempo pra mais nada e o Vitória amargou mais uma derrota na segunda divisão.

Agora, o Leão ocupa a 12ª colocação da Série B, com 3 pontos e, no próximo sábado (18), recebe o São Bento, às 16h30, no Barradão.