Nas Ruas

Seg, 29/04/2019 | Atualizado em: 29/04/2019 às 05h01


Nas Ruas

Notícia boa Número de casos de SRAG cai muito na Bahia

Roberto Aguiar
A+ A-

Reduziu em 75% o número de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) na Bahia, em comparação ao mesmo período do ano passado. É o que apontam os dados do Boletim Epidemiológico da Influenza, publicado na última quinta-feira (25), pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

Até o último dia 13, foram notificados 122 casos de SRAG, com sete óbitos – um deles por Influenza A H1N1, , outro por metapneumovírus e cinco com amostras negativas (não especificadas). Em 2018, foram notificados 476 casos e 58 óbitos, sendo confirmadas 18 mortes por Influenza.

Dos 122 casos de SRAG notificados em toda a Bahia, três foram registrados como Influenza, sendo um caso pelo vírus Influenza A H1N1 e dois pelo vírus Influenza B. Também foram identificados outros vírus respiratórios dentre as amostras positivas dos casos investigados: Vírus Sincicial Respiratório (8), Parainfluenza1 (2), Parainfluenza3 (2), Adenovírus (2) e Metapneumovírus (13 casos). Em 53 casos, as amostras foram negativas e 39 ainda estão em processo de investigação.

Para que esses números sigam em queda, é preciso avançar na imunização, por intermédio da vacina. A dona de casa Neusa Farias, de 76 anos, destaca a importância de comparecer ir ao posto de saúde. "Vejo outras pessoas griparem e nem lembro mais que passei por isso. Às vezes, sinto que a gripe quer me pegar, mas em mim ela não prospera", afirmou.

A campanha nacional de vacinação contra o Influenza teve início no dia 10 de abril e segue até 31 de maio.