Plantão

Qui, 25/04/2019 | Atualizado em: 25/04/2019 às 14h48


Plantão

Agente de presídio é morto indo pro trampo

Das Agências
A+ A-

Um agente penitenciário da Polícia Nacional do Paraguai foi assassinado a tiros quando saía de casa para o trabalho, na manhã de ontem, em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Brasil.

Segundo a polícia paraguaia, o agente Duilio Florenciani Gonzáles levaria drogas para o interior da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, que abriga cerca de 80 integrantes da facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC).

Gonzáles foi atingido por sete disparos de pistola calibre 9 mm. Os atiradores fugiram e não foram localizados. O crime, com características de execução, foi cometido às 6h40 e, segundo a polícia paraguaia, pode estar relacionado à guerra travada por facções criminosas brasileiras pelo controle do tráfico na fronteira.

A polícia encontrou em seu uniforme 1 kg e 22 gramas de pasta base de cocaína.