Plantão

Qua, 03/04/2019 | Atualizado em: 03/04/2019 às 13h45


Plantão

Suspeito de abusos já havia aprontado

Das Agências
A+ A-

Suspeito de abuso sexual contra ao menos 15 mulheres em Belo Horizonte, o tatuador Leandro Caldeira Alves Pereira, 44 anos, havia sido intimado a depor por três vezes pela Polícia Civil antes de ter sua prisão decretada em 22 de março. Leandro foi preso no domingo (31). Segundo as autoridades, ele estava escondido na casa de amigos. A primeira denúncia contra Leandro, que tem um estúdio na Savassi, região de classe média alta da cidade, ocorreu em 2008. À época, porém, esse tipo de crime exigia a realização de queixa formal, o que acabou não sendo feito.