Plantão

Sex, 01/03/2019 | Atualizado em: 01/03/2019 às 05h03


Plantão

Idoso é morto com pedradas na cabeça

Euzeni Daltro
A+ A-

O aposentado Manoel Macena dos Santos, 73 anos, foi assassinado a pedradas, no final da noite de quarta-feira (27), próximo à casa onde morava, no bairro de Buri Satuba, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

O delegado Geuvan Júnior, que atua na 4ª Delegacia de Homicídios (Camaçari), informou que as investigações desenvolvidas até o final da tarde de ontem indicam que o aposentado foi vítima de latrocínio.

"Estamos investigando, as equipes estão na rua. Até o momento, a gente acredita que foi latrocínio. Mataram para roubar dinheiro", afirmou o delegado, sem fornecer detalhes.

Ele acrescentou ainda não ter tido oportunidade de conversar com parentes do idoso, uma vez que os mesmos providenciavam o sepultamento.

No final da tarde de ontem, ainda era possível ver a pedra usada para matar Manoel, bem como a marca da cabeça dele em um monte de areia. Uma sandália de borracha que o idoso usava também permanecia no local, conhecido por Pistão de Buri Satuba

"Isso foi uma atrocidade. A pessoa que fez uma coisa dessa não tem Deus no coração. Quem matou seu Manoel matou para roubar. Ele não tinha inimigos, não mexia com ninguém. A justiça tem que ser feita. A polícia tem que tirar esse assassino do convívio com a sociedade", afirmou um morador, sob anonimato.