Plantão

Ter, 19/02/2019 | Atualizado em: 19/02/2019 às 05h07


Plantão

Hipermercado vira alvo de protestos

Raul Aguilar
A+ A-

O ato em memória do jovem Pedro Henrique de Oliveira Gonzaga, que morreu após ser asfixiado por um segurança do Hipermercado Extra Barra, no Rio de Janeiro, reuniu cerca de 500 pessoas no Extra da Avenida Paralela, em Salvador, na noite de ontem. Na porta do estabelecimento, manifestantes gritaram palavras de ordem como "Extra, racista, não passará" e "vidas negras importam". Eles entraram no hipermercado e fizeram uma caminhada, pedindo o boicote ao estabelecimento. Na saída, se jogaram ao chão, encenando a morte de Pedro Henrique.