Nas Ruas

Sex, 15/02/2019 | Atualizado em: 15/02/2019 às 05h07


Nas Ruas

Velejadores chegam ao país após prisão

Roberto Aguiar
A+ A-

"Não é um pesadelo, nem será uma tempestade que fará a gente desistir da vela", afirmou Daniel Dantas, 43 anos, um dos velejadores brasileiros que estava preso em Cabo Verde, desde agosto de 2017. Dantas participou de uma coletiva de imprensa, na tarde de ontem, em Salvador, ao lado de Daniel Guerra, 36 anos, e Rodrigo Dantas, 25 anos, velejadores baianos que também estavam presos na ex-colônia portuguesa sob acusação de tráfico internacional de drogas, foi encontrada uma tonelada de cocaína no veleiro de 72 pés.

O sistema jurídico de Cabo Verde foi duramente criticado. "Nossas testemunhas não eram ouvidas. Pedíamos que a PF brasileira fosse ouvida, pois seria importante para a nossa liberdade. Foi a PF que fez a investigação do barco aqui no Brasil", disse Rodrigo Dantas.