Plantão

Qua, 23/01/2019 | Atualizado em: 23/01/2019 às 05h02


Plantão

Trafica forte não foi páreo para militares

Da Redação
A+ A-

Com três passagens pela polícia, Edeilton Marcelino da Silva Santos, 31 anos, acabou morrendo, após ser baleado, na noite de segunda-feira (21), por uma guarnição da Rondesp Atlântico. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública, os militares foram acionados após denúncias sobre criminosos armados na localidade do Bananal, no bairro da Boca do Rio.

Ainda conforme a SSP, em buscas na região, a unidade foi recebida a tiros. No confronto, Edeilton foi ferido e encaminhado pelos próprios policiais para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos. Na sua ficha criminal estão dois inquéritos, por porte ilegal de arma de fogo e um por tráfico de drogas.

Com ele, foram encontrados um revólver calibre 38 com numeração suprimida, seis munições para o mesmo calibre, três tabletes de maconha, quatro pedras grandes de crack, uma balança e embalagens para acondicionar as drogas.