Tá Quente!

Qui, 03/01/2019 | Atualizado em: 03/01/2019 às 05h01


Tá Quente!

Moro está de olho na corrupção

Marco Antônio Jr
A+ A-

A TARDE SP

Na cerimônia de posse como Ministro da Justiça e da Segurança Pública ontem (2), em Brasília, Sergio Moro prometeu uma atuação incisiva contra a corrupção, os crimes de lavagem de dinheiro e a favor da prisão de condenados em segunda instância. A transmissão do cargo contou com a presença dos ex-ministros de Michel Temer Raul Jungmann e Torquato Jardim, do Presidente do STF, Dias Toffoli, dos diretores nomeados para atuar em áreas estratégicas da Polícia Federal, Polícia Rodoviária, Coaf, Departamento Penitenciário Nacional, Departamento de Recuperação de Ativos, entre outos. Também adiantou que os cargos comissionados serão revistos, entre eles os 2.647 que foram remanejados de pastas extintas, além dos dez auxiliares diretos da chamada Direção e Assessoramento Especial e outros 799 cargos de áreas estratégicas. A cerimônia não contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro que estava em outra cerimônia de transmissão de cargos e no encontro com o secretário de Estado norte americano, Mike Pompeo.