Esporte

Ter, 04/12/2018 às 09h35


Esporte

Temporada promissora para o Baêa

Léo Santana
A+ A-
O 11º lugar do Campeonato Brasileiro foi a melhor posição do Tricolor na era dos pontos corridos - Felipe Oliveira / EC Bahia/Divulgação
O 11º lugar do Campeonato Brasileiro foi a melhor posição do Tricolor na era dos pontos corridos
Felipe Oliveira / EC Bahia/Divulgação

Pode-se dizer que 2018 foi bom para o Bahia. Após o empate com o Cruzeiro, na despedida do Brasileirão, o Tricolor fechou a temporada de forma satisfatória, onde disputou 75 jogos, com 32 vitórias, 20 empates e 23 derrotas - 51% de aproveitamento - sendo o clube da Série A que mais atuou neste ano.

O início foi marcante para o Tricolor, com a conquista do 47º título baiano, em pleno Barradão, quebrando um tabu de 16 anos sem levantar um troféu na casa do Vitória. Porém, o pior momento do Esquadrão na temporada aconteceu na Copa do Nordeste, quando acabou perdendo a taça para o Sampaio Corrêa, na Arena Fonte Nova.

Nos clássicos Ba-Vi, que é um 'campeonato à parte', também houve superioridade Em cinco jogos contra o rival, o Bahia conquistou quatro triunfos e houve apenas um empate.

O Esquadrão chegou ainda em sua melhor classificação na Copa do Brasil, após entrar nas oitavas de final e ser eliminado nas quartas, pelo Palmeiras. Já a Copa Sul-Americana deixou um 'gostinho de quero mais' para os tricolores, visto que, foi eliminado pelo Atlético-PR, nas quartas de final, após erros de arbitragem nas duas partidas diante do Furacão.

Por fim, no Campeonato Brasileiro, o Tricolor não passsou sufoco na briga contra o rebaixamento e acabou em 11º lugar, com 48 pontos, alcançando a melhor colocação na competição desde o início da era dos pontos corridos.

Para o técnico Enderson Moreira, os bons resultados alcançados neste ano já credenciam o Bahia a conquistas maiores em 2019. "Ficamos felizes, mas queremos mais. Acho que talvez poderíamos conseguir uma classificação maior. Tivemos chance de chegar na semifinal da Sul-Americana, a Copa do Brasil foi bem jogada. Isso nos dá mais responsabilidade para o próximo ano", destaca o treinador.

Então, que na próxima temporada, o Esquadrão possa alçar voos maiores.