Nas Ruas

Qua, 07/11/2018 | Atualizado em: 07/11/2018 às 15h59


Nas Ruas

O bicho pegou na comunidade do Jacaré

Henrique Almeida*
A+ A-

A demolição de três demarcações de lotes, uma obra com alvenaria e um imóvel na comunidade do Jacaré, em Nova Brasília de Itapuã, gerou revolta nas 25 famílias que residem no localidade. "Fomos tratados como cachorros. A prefeitura chegou às 6 horas da manhã e demoliu algumas casas e coagiu o pessoal a assinar as notificações, alegando que, do contrário, não caberia defesa e abriria margem para demolição no dia seguinte. Eles nos deram 15 dias para sairmos do local. Muitas pessoas não sabem o que fazer", disse o morador Rogério Barros, 32 anos. Os ocupantes relataram que chegaram ao local há sete anos e que a região era local de "desova", com altos índices de violência."Ninguém passava por aqui, nem a prefeitura. Era muito perigoso. Agora, com a comunidade, é tudo tranquilo. A prefeitura fala de proteção ambiental, das dunas. Mas tivemos o cuidado de fazer as moradias o mais afastado possível. E o pior é que não houve acompanhamento antes", diz o líder comunitário Paulo Jesus.

*Sob a supervisão da editora Meire Oliveira