Plantão

Ter, 06/11/2018 às 14h17


Plantão

Crueldade Casal prova que monstros existem

Euzeni Daltro
A+ A-
Galera se revoltou com o crime e ameaçou linchar o casal - Tiago Caldas/Ag. A Tarde
Galera se revoltou com o crime e ameaçou linchar o casal
Tiago Caldas/Ag. A Tarde

O casal Elissandro Lima da Silva, 28 anos, e Marileide Araújo dos Santos, 28, foi preso em flagrante, acusado de espancar e estuprar a própria filha, um bebê de cinco meses, na cidade de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

A prisão foi feita na tarde de ontem, por policiais da 10ª CIPM (Candeias), após uma conselheira tutelar informar na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam/ Candeias) sobre os sinais de violência física que a criança apresentava ao chegar no hospital.

De acordo com a delegada Iola Nolasco, titular da Deam de Candeias, a criança Joice Araújo dos Santos Silva tinha marcas de agressão em diversas partes do corpo. "A agressão em um dos olhos fez com que o globo ocular saltasse da caixa craniana", afirmou a delegada.

A menina também tinha ferimentos no nariz e na boca, escoriações e marcas de queimaduras nas costas (aparentemente provocadas com cigarro), além de lesão na região genital.

"O médico afirmou que não tem nenhuma dúvida de que houve abuso sexual. Segundo ele, pelo tipo da lesão, não tem outra possibilidade. A violência sexual é bem aparente", completou a titular da Deam.

O crime causou revolta na população. Durante a noite, cerca de 70 pessoas aguardavam a saída do casal em frente à unidade policial. Algumas delas chegaram a exigir que os policiais liberassem os suspeitos para que eles pudessem linchá-los.