Plantão

Sex, 02/11/2018 às 11h21 | Atualizado em: 02/11/2018 às 11h26


Plantão

Ladrões tocam o terror e fazem reféns em loja

Milena Teixeira
A+ A-
Assaltantes rendidos dentro da loja com a polícia. - Margarida Neide / Ag. A Tarde
Assaltantes rendidos dentro da loja com a polícia.
Margarida Neide / Ag. A Tarde

A loja da Magazine Luiza que fica na Estrada do Coco, em Lauro de Freitas, foi saqueada na tarde de ontem. Funcionários e clientes foram feitos reféns até policiais do Bope negociarem a rendição dos bandidos.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, três homens foram presos ao tentarem fugir com eletrodomésticos e um integrante do bando permaneceu na loja. Adenilson Gomes da Silva, 23 anos, Fábio Alves da Silva, 24, e Wesley Bispo Alves, 33, foram detidos tentando deixar o local com um caminhão e um veículo com os itens retirados da loja.

O último suspeito, que mantinha outras sete pessoas reféns (após o primeiro grupo, com 21 vítimas, ter sido liberado), se entregou por volta das 16h. Ele foi identificado como Antônio Jorge Peluso de Oliveira, 40.

De acordo com o major Fabrício de Oliveira, 28 pessoas ficaram reféns dos assaltantes por pelo menos 2h30. "Graças a Deus deu tudo certo. No início, a situação foi complicada, mas depois eles começaram a liberar. Logo no início das negociações conseguimos liberar uma criança que estava entre as vítimas", contou o militar.

Ainda conforme o major, os assaltantes "colaboraram desde o início das negociações". "Eles pediram a presença da imprensa e de alguns familiares", afirmou. Conforme o delegado responsável pelo caso, Joelson Reis, da 23ª DT, três bandidos saiam da loja com móveis quando a polícia chegou. Ele informou que o grupo estava armado com uma pistola e um revólver.