Esporte

Qua, 31/10/2018 | Atualizado em: 31/10/2018 às 05h00


Esporte

A batalha da temporada

Léo Santana
A+ A-

O jogo mais importante da temporada para o Bahia acontece hoje, na Arena da Baixada, às 21h45, quando encara o Atlético-PR, no duelo de volta das quartas de final da Copa Sul-Americana. Parece clichê, mas a partida desta noite diante do Furacão pode entrar para a história do Tricolor, visto que, pode levar o clube à inédita semifinal da competição.

Para isto acontecer, o Esquadrão precisa vencer a equipe paranaense, já que foi derrotado por 1 a 0 na Arena Fonte Nova. O placar mínimo para os visitantes leva o confronto para a disputa de pênaltis. Qualquer outro triunfo do time do técnico Enderson Moreira dará a classificação histórica ao clube.

Parece fácil, mas o problema é maior quando é analisado o adversário que está do outro lado. O Atlético-PR ganhou os últimos 12 jogos que fez na Arena da Baixada e das últimas 10 partidas, perdeu apenas uma, o que dificulta bastante a tarefa do Bahia.

No entanto, apesar dos números positivos do Furacão, o volante Nilton acredita que é possível avançar. "Tem 90 minutos aí para impor um ritmo forte. Sabemos da invencibilidade que a equipe deles tem dentro de casa, uma sequência. Temos a oportunidade de conquistar uma classificação, claro que não vai ser fácil, mas a gente sabe da qualidade e potencial do nosso elenco para ir adiante nesse campeonato", projeta.

O experiente jogador cobra atenção de seus companheiros na partida decisiva para alcançar o feito histórico. "Acho que a gente vai dar um passo de cada vez, fazer um jogo consistente para não dar oportunidades à equipe do Atlético-PR e tentar surpreender eles aqui dentro. Claro, sempre respeitando, mas colocando o ritmo do Bahia que a gente vem apresentando dentro da temporada", completa Nilton.

E a classificação à semifinal da Sul-Americana, além de colocar o Esquadrão entre os quatro melhores times do continente na competição, trará uma boa quantia para os cofres. A equipe que avançar receberá uma cota de R$ 1.760.000,00, o que poderá ajudar para o fina de ano no Fazendão ser feliz e tranquilo.