Esporte

Seg, 29/10/2018 | Atualizado em: 29/10/2018 às 05h00


Esporte

A prova final está mais próxima

Amanda Souza*
A+ A-

A história se repete. Como nos últimos anos, o Leão deixou a decisão para o final, na adrenalina. No sofuco, o Vitória vai precisar vencer e contar com o tropeço de seus adversários diretos para permanecer na primeira divisão.

Como os atletas entenderam, agora, cada partida é uma final. Carpegiani pontuou que, neste momento, o Rubro-Negro faz um campeonato particular. "Eu quero um grupo mais determinado, chegou o momento de definição", disse.

O comandante destaca também a grande dificuldade e ineficiência ofensiva do Leão. Quando o time não faz gols, embora, de alguma maneira tente, acaba exposto e o risco de derrota é maior.

"A equipe está sentindo dificuldade em ser ofensiva, correndo algum risco, para tentar colocar o de melhor", assume o treinador.

Com o fim da competição cada vez mais próximo, não restam muitas escolhas que não seja encontrar a solução. Para Carpé o momento é de criar oportunidades. "Temos que solucionar. Vamos para partidas decisivas. São quatro jogos, 12 pontos. Então fecharíamos naquele número mágico", projeta.

Entre os próximos adversários, o Vitória ainda vai enfrentar o Bahia, no clássico da 33ª rodada do Brasileirão. Desta maneira, as expectativas e o clima de tensão só aumentam entre equipe, comissão técnica e torcida.

*Sob a supervisão do editor Léo Santana