Esporte

Sex, 26/10/2018 | Atualizado em: 26/10/2018 às 05h01


Esporte

Já é hora de olhar pra cima

Amanda Souza*
A+ A-

Se o objetivo é permanecer na Série A, o Vitória vai precisar fazer muito mais do que tem feito. Hoje, contra o São Paulo, às 19h30, no Barradão, o clima é de final.

Com o triunfo do Ceará sobre o Cruzeiro num jogo atrasado, o Leão retornou ao Z-4, na 17ª posição, com 33 pontos. Exatamente como em 2017.

Para sair desta situação e trilhar o caminho da permanência, o grande desafio hoje é voltar a vencer em casa. Já são três jogos sem triunfos dentro de seus domínios.

Ainda há 24 pontos em jogo e o duelo desta noite é decisão para os dois clubes. De um lado, o Leão, afoito para sair da degola. Do outro, um São Paulo na corrida pelo título nacional.

O goleiro Ronaldo garante que não há outro pensamento que não seja o triunfo. Faltando oito jogos para o fim do Brasileiro, o clima é de guerra na Toca. "Estar na zona deixa mais preocupado. O jogo tem que ser tratado como final. Todos estão preocupados. A gente sempre entra para ganhar. Não tem adversário fácil daqui para frente", disse.

Fazer uma boa partida não é suficiente para o Vitória no cenário atual. É preciso fazer gols para garantir o resultado, coisa que tem deixado a desejar na equipe, que marcou 30 vezes na competição. Vale destacar o fato de só ter vencido por 1 gol de diferença.

Ronaldo lembra partidas recentes e acredita que estão no caminho certo. "A gente tem feito bons jogos ultimamente, claro que o resultado é importante, mas não está tão distante do que a gente tem apresentado nos jogos", ressalta.

Considerando o histórico entre as equipes, a corda rompe do lado rubro-negro. Em 44 jogos do Brasileiro, o São Paulo saiu com o triunfo em 29 partidas, seis foram empates e apenas nove foram do Vitória.

Em Salvador, o parâmetro é mais equilibrado, mas ainda não é nada favorável aos donos da casa. Na história, Vitória e São Paulo se enfrantaram 21 vezes no Manoel Barradas: 11 vitórias para o Tricolor Paulista, oito para o Rubro-Negro baiano e dois empates.

É o momento de olhar para cima - real e metaforicamente - para criar um novo cenário neste duelo. E o Vitória terá a oportunidade de se aproveitar do momento delicado do São Paulo, que está há seis jogos sem vencer e vê o título cada vez mais distante - nove pontos afastam o time do líder Palmeiras.

Este é o primeiro dos quatro últimos jogos no Barradão na temporada. Desta maneira, o dever de casa e os 12 pontos são obrigatórios para o Leão.

*Sob a supervisão do editor Léo Santana