Nas Ruas

Qua, 24/10/2018 | Atualizado em: 24/10/2018 às 10h57


Nas Ruas

Vai acabar! Dias contados para filas da marcação

Felipe Santana*
A+ A-

A partir de dezembro, todo o agendamento ambulatorial de consultas e exames das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) passará a ser realizado pelo sistema de agendamento remoto do órgão. O novo sistema servirá para dar fim às longas filas enfrentadas por pacientes como a sindicalista Marileide Pereira, 45 anos, que enfrentou uma viagem de seis horas da cidade de Ruy Barbosa até Salvador e

teve que dormir em uma fila para realizar a marcação da consulta ontem na Osid, no Largo de Roma. "Dormir embaixo de uma barraca para conseguir fazer a marcação. Fiquei molhada com a chuva, passei frio e ainda fiquei ao lado do mau cheiro de urina, pois as pessoas estavam utilizando a área para fazer suas necessidades", relatou. Os pacientes que aguardavam no portão 3 do Hospital Santo Antônio foram tentar garantir uma entre as cerca de 2 mil vagas disponibilizadas para consultas com otorrino que serão realizadas durante o mês de novembro. Boa parte das pessoas vem de municípios do interior, alegando a ausência de atendimento especializado para cuidar da saúde em suas cidades de domicílio. "Sou de Ribeira do Pombal e enfrentei 5 horas de viagem para chegar em Salvador. Ainda fiquei o tempo todo em pé na fila", contou Josineide Gonçalves, .

* Sob a supervisão da editora Meire Oliveira