Viver Bem

Sáb, 20/10/2018 | Atualizado em: 20/10/2018 às 05h01


Viver Bem

Brinque com o imaginário

Nágila Santana
A+ A-

Posições diferentes, gemidos altos e orgias são atrativos para aqueles que assistem vídeos pornográficos.

Para dar aquela esquentada no relacionamento, aprender coisas novas para apresentar ao seu parceiro (a) ou dar 'aquela relaxada', muitos acabam recorrendo aos filmes com conteúdo adulto.

"O vídeo pornô é a projeção do imaginário, onde as fantasias criadas são expostas para o público, possibilitando a realização do desejo. Eles são bastante utilizados para a excitação e matar a curiosidade. Sendo assim, essa prática sexual de uma maneira explícita proporciona o prazer e está disponível de maneira gratuita, na palma das mãos", pontua a educadora sexual Raquele Carvalho.

Mas, como qualquer outro acessório, os filmes devem ser utilizado como um brinquedo para complementar o momento, e não se tornar uma obrigação.

"Assistir a esses filmes pode ser uma diversão, e deixa a pessoa um pouco mais animada para o sexo. Pois, o cérebro é o órgão sexual mais poderoso. Entretanto, ele tem que ser controlado e na medida certa, para não desgastar", ressalta Raquele Carvalho.

Conhecer o parceiro com o toque, olhar e 'ousadia' é muito importante para que uma relação dê certo. Apresentar as novas propostas e ouvir o outro são fundamentais para fazer com que o momento seja bastante proveitoso para ambos.

"Tanto os homens como as mulheres podem desfrutar desses filmes, fotos, contos eróticos ou até a música para chegar ao orgasmo. Isso vai depender do momento. Usar e abusar dos cinco sentidos, além das brincadeiras com o corpo, são essenciais", finaliza.

Para o estudante de direito Paulo César, a indústria pornográfica impõe a sociedade um modelo de mulher pautada no fingimento, e muitas vezes esse comportamento sexual se torna o sonho da maioria dos homens.

Para o vendedor Lucas Souza, que namora há três anos, o sexo é o momento em que as pessoas ficam mais selvagens, e o filme pornô apresenta isso. "É aquele momento onde eu quero que minha parceira vá à loucura. Me inspiro muitos nos filmes para dar prazer e chegarmos ao orgasmo juntos", conclui.