Plantão

Sex, 28/09/2018 | Atualizado em: 28/09/2018 às 05h01


Plantão

Marcado júri da acusada de matar Ingrid

Euzeni Daltro
A+ A-

A notícia sobre a marcação do júri popular de Aline Alves Santos de Sousa, acusada de assassinar Ingrid Lima dos Santos, 15 anos, trouxe à família da adolescente a esperança de ver a Justiça ser feita. Isso porque a acusada responde ao processo em liberdade desde o dia 9 de junho de 2016. O crime foi cometido em 20 de fevereiro do mesmo ano na Rua João Ramos, no Jardim Cajazeiras.

A sessão de julgamento de Aline foi marcada para a próxima quinta-feira (4) no Fórum Ruy Barbosa, no bairro de Nazaré. A informação foi confirmada ontem pela assessoria de imprensa do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA).

"A gente vinha buscando esse júri popular e agora estamos com esperança de que a Justiça será feita. O nosso desejo é que ela pague pelo que ela fez. Ela tirou uma vida e tem que pagar por isso. Esse é o desejo do nosso coração", afirmou a nutricionista Erica Lima dos Santos de Jesus, 25, irmã de Ingrid.