Plantão

Qui, 27/09/2018 | Atualizado em: 27/09/2018 às 05h01


Plantão

Não deu Tentativa de roubo 'voa pelos ares'

Raul Aguilar
A+ A-

redacao@jornalmassa.com

Uma operação da Polícia Federal, em parceria com a Polícia Militar da Bahia e a de Pernambuco, na cidade de Salgueiro, no sertão pernambucano, conseguiu impedir um assalto a um avião que transportava valores e resultou na morte de seis homens, apontados pela polícia como experientes assaltantes de banco.

A polícia informou que, na manhã de ontem, criminosos chegaram ao aeroporto de Salgueiro em uma Toyota Hilux de cor branca e renderam os seguranças de uma transportadora que aguardavam a aeronave. Quando o avião pousou, os criminosos dispararam em direção à aeronave e atingiram o piloto.

Antes dos suspeitos chegarem ao avião, agentes da Polícia Federal e policiais militares da Cipe Caatinga, da Bahia, e da PM de Pernambuco, apareceram no local e houve tiroteio.

Os criminosos revidaram utilizando armas de grosso calibre, como fuzil calibre .50 e seis fuzis AK 47, além de carregadores e munições que foram encontrados dentro do veículo que os criminosos utilizavam para o crime.

Na ação, os assaltantes Cláudio Aprígio da Silva Neto, 46 anos, Alex Gonçalves dos Santos, 37, Renato Vieira dos Santos, 50, Francieldo do Nascimento Silva, 47, Rafael Rodrigues Pereira, 36, e Galdioso Moura da Silva, 47, foram atingidos e morreram no local.

Martins Simão dos Santos foi baleado e conduzido ao Hospital de Salgueiro. O piloto foi socorrido ao hospital e o seu estado de saúde é estável, segundo informou o hospital.

Um outro veículo que participava do assalto, dando cobertura aos criminosos, conseguiu fugir após o confronto e está sendo procurado. A polícia informou que nenhum valor foi subtraído da aeronave.

Com informações sobre os outros integrantes, diligências foram realizadas em diversas cidades que fazem divisa entre os estados da Bahia e Pernambuco, resultando nas prisões de quatro assaltantes, apontados como membros da quadrilha.

Os presos e os materiais apreendidos foram apresentados na sede da Polícia Federal de Pernambuco.