Esporte

Qui, 27/09/2018 | Atualizado em: 27/09/2018 às 05h01


Esporte

No Mineirão Raposa segura o empate e comemora

Tiago Lemos
A+ A-

O adversário do Corinthians na final da Copa do Brasil será o Cruzeiro, que empatou por 1 a 1 com o Palmeiras, ontem, no Mineirão, no jogo de volta das seminais. Na partida de ida, no Allianz Parque, em São Paulo, a Raposa venceu por 1 a 0.

Com a vantagem do empate, o time comandado por Mano Menezes ainda saiu na frente diante de sua torcida. O gol da Raposa foi marcado por Hernán Barcos. O atacante argentino fez valer a 'lei do ex' e balançou a rede do Porco aos 27 minutos, depois de ter recebido passe açucarado de Lucas Silva, driblar o goleiro Weverton e tocar para o gol.

Com um prejuízo imenso, o Palmeiras quase iguala o marcador aos 39, quando o meio-campista Moisés testou Fábio em um forte chute com a perna direita, mas o goleiro estava esperto e fez a defesa.

No segundo tempo, o Palmeiras empatou o jogo logo aos quatro minutos, quando o volante Felipe Melo aproveitou cobrança de escanteio do atacante Dudu para marcar de cabeça. Um gol que reacendeu a esperança alviverde no mata-mata.

Aos 20, Fábio precisou evitar um gol contra de Lucas Romero, após cruzamento de Willian. Mesmo com a vantagem, o Cruzeiro buscou os contra-ataques e assustou com Egídio. Aos 33, o lateral-esquerdo arriscou o chute e exigiu boa defesa do goleiro Weverton. Ficou nisso.

Após o apito final do árbitro, muita confusão e briga entre os atletas. Pelo lado do Cruzeiro, Sassá foi expulso. Com isso, não poderá jogar a partida de ida da final. No lado palmeirense, quem levou cartão vermelho foram os laterais Mayke e Diogo Barbosa.