Esporte

Qua, 08/08/2018 | Atualizado em: 08/08/2018 às 05h00


Esporte

Vale a sequência internacional

Tiago Lemos
A+ A-

O Bahia pode fazer bonito 'na gringa' na temporada. Para isso, precisa seguir na Copa Sul-Americana 2018. Hoje, às 21h45 da noite, em Montevidéu, no Uruguai, o Tricolor enfrenta o Cerro pelo jogo da volta da segunda fase do torneio continental.

No jogo de ida, no Estádio de Pituaçu, no dia 25 de julho, o Esquadrão venceu por 2 a 0, com gols de Gilberto e Régis. Com isso, o time comandado por Enderson Moreira pode perder por um gol de diferença que estará nas oitavas de final da competição.

Se balançar a rede no Estádio Luis Trócolli, o Bahia poderá ser derrotado até por dois gols de vantagem por causa do critério de gol marcado fora de casa. Se o Tricolor perder por 2 a 0, mesmo placar da primeira partida, haverá disputa de pênaltis.

Carimbar a classificação para a fase seguinte da Sul-Americana significará faturar algo em torno de 375 mil dólares, o equivalente a cerca de R$ 1,4 milhão na cotação atual.

Para a partida, o técnico Enderson Moreira vai repetir a fórmula que deu certo em Salvador: poupar alguns titulares em decorrência da sequência pesada de jogos.

No total, o treinador deve promover sete alterações em relação ao time que empatou com o Fluminense no último domingo, por 1 a 1, pela 17ª rodada do Brasileirão.

Os laterais Bruno e Paulinho não podem jogar a competição e devem ser substituídos por Flávio – improvisado – e Léo, que volta a ser titular depois de ficar fora da partida contra o Pó de Arroz por questões contratuais.

Na zaga, é provável que Lucas Fonseca forme dupla com Douglas Grolli e Tiago fique fora. No meio, só Gregore vai seguir no time porque não poderá jogar a partida contra o América-MG, neste sábado, na Fonte Nova, pela Série A, porque terá de cumprir suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos.

Elton e Vinicius devem sair para as entradas de Nilton e Régis – os dois foram titulares no jogo de ida.

No ataque, Gilberto deve ser substituído por Júnior Brumado. Zé Rafael também pode sair da equipe para dar lugar a Élber.

O único atleta que possivelmente não será poupada no setor ofensivo é Edigar Junio, autor do gol sobre o Fluminense, no Maracanã.