Nas Ruas

Qua, 04/07/2018 | Atualizado em: 04/07/2018 às 05h01


Nas Ruas

Só buraco Vias de Pernambués parecem solo lunar!

A+ A-

redacao@jornalmassa.com

Basta uma chuva fraca para a Avenida Pinto, em Pernambués, se tornar intransitável para pedestres. Os poucos que se arriscam, atravessam correndo, já que a buraqueira acumula água da chuva, que espirra pra tudo que é lado quando os veículos passam.

O empresário José Oliveira, 39 anos, conta que o problema na rua é antigo. "Isso aqui me tira do sério. Esse problema tem uns 10 anos e ninguém da prefeitura resolve. Já cansei de passar por aqui indo trabalhar e tomar um banho. Aqui passam muitos carros e alguns não estão nem aí para o pedestre", diz.

O barbeiro Eduardo Rios, 21 anos, trabalha em um estabelecimento na rua e reclama do estado da avenida. "Trabalho aqui faz seis meses e nunca vi ninguém da prefeitura vir aqui para consertar essa buraqueira. Quando chove forte os clientes têm que se sentar mais recuados para não tomarem um banho de água suja dentro da barbearia", critica.

E não é só a Avenida Pinto que está atrapalhando a vida dos moradores do bairro. A poucos metros dela fica a 2ª Travessa do Hipódromo, onde o ralo de um bueiro quebrou e abriu um buraco que está atrapalhando o trânsito, bem em frente a um mercadinho. Bruno Silva, 19 anos, conta que o buraco já tem mais de um mês."Tempos atrás um caminhão passou e quebrou o bueiro. Veio uma esquipe da prefeitura e consertou. Só que agora voltou a quebrar. Já ligamos várias vezes e não aparece ninguém. O ideal é que eles coloquem um bueiro de ferro", sugere o morador.