Plantão

Sáb, 16/06/2018 | Atualizado em: 16/06/2018 às 05h00


Plantão

PMs são indiciados por morte de artista

A+ A-

Os soldados da Polícia Militar Edvaldo Nunes de Almeida, Leandro Santos Xavier e Dinaldo dos Santos Paixão, lotados na 10ª CIPM (Candeias), foram indiciados pela morte do artista plástico Manoel Arnaldo dos Santos Filho, 61 anos. Nadinho, como era conhecido em Candeias, foi baleado na noite do dia 21 de abril, ao ter a casa invadida pelos PMs, e morreu no Centro de Saúde Luiz Viana.

Durante as investigações, o delegado Marcos Laranjeira, titular da 20ª Delegacia (Candeias), concluiu que os PMs tiveram a intenção de matar e os indiciou por homicídio doloso. Ontem, ele encaminhou à Justiça a conclusão do inquérito policial. O documento foi protocolado na Vara Crime de Candeias. Em nota, a assessoria da PM disse que, desde o fato, os soldados estão afastados das atividades operacionais e devem responder a Processo Administrativo Disciplinar caso sejam encontrados elementos que indiquem culpa.