Ter, 12/06/2018 | Atualizado em: 12/06/2018 às 05h00

Funcionários na bronca com posto de saúde

Henrique Almeida*
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Em carta enviada à Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e à Prefeitura de Salvador, funcionários da Unidade de Saúde da Família (USF) São José de Baixo, no Lobato, denunciam o que, segundo eles, é um "descaso" municipal para com a gestão da unidade. Segundo os funcionários, a falta de agentes comunitários é o problema mais grave, pois, sem a possibilidade de levar os serviços de domicílios à população, a USF se desconfigura e atua apenas como um ambulatório. A reportagem entrou em contato com a SMS, mas até o final desta edição não obteve retorno.

* Sob a supervisão da editora Meire Oliveira