Ter, 15/05/2018 | Atualizado em: 15/05/2018 às 05h01

Ex-PM vai pra prisão federal

Das agências
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

O ex-PM Orlando Oliveira de Araújo, apontado por uma testemunha como um dos mandantes do assassinato da vereadora Marielle Franco, será transferido para um presídio federal de segurança máxima.

A decisão é da 5ª Vara Criminal da Capital. Na decisão, foi também determinada a manutenção do ex-PM no presídio Bangu 1 até que seja determinado para qual unidade ele será transferido.

O advogado Renato Darlan, que defende Araújo, explicou que pediu a transferência porque seu cliente já sofreu uma tentativa de envenenamento e se encontra em greve de fome. Araújo nega participação no assassinato de Marielle Franco.