Esporte

Ter, 08/05/2018 | Atualizado em: 08/05/2018 às 05h00


Esporte

Diagnóstico precoce é o caminho

CAMILA DE JESUS
A+ A-

Na próxima quinta-feira (10) celebra-se o Dia Mundial de Conscientização do Lúpus. De acordo com Luís Eduardo Coelho Andrade, assessor médico em imunologia e reumatologia do Grupo Fleury, trata-se de uma doença autoimune, ou seja, o sistema imunológico - responsável pela defesa do corpo - passa a agir de forma contrária. "O organismo tende a agredir estruturas importantes, como a pele, articulações, rins, vasos e até o sistema nervoso central", afirma.

O diagnóstico do lúpus é um pouco difícil, pois não há um exame que detecte com 100% de certeza a doença. É o caso da personagem Aurora, da série "Onde Nascem os Fortes", que sofre com os sintomas sem saber o que tem. Por isso a necessidade de conhecer os sintomas, que vão desde dores articulares até o aparecimento de manchas na pele. "No rosto, a mancha remete a uma asa de borboleta, pois vai do nariz até a bochecha", conta o médico.

Sem causa específica, a doença pode ser desencadeada por fatores genéticos e hormonais. "A presença do hormônio estrogênio contribui para doenças autoimunes", diz ao relatar que as mulheres tendem a ser mais atingidas.

* Sob a supervisão da editora Ellen Alaver